Noites Trabalho Sujo | 11.11.2017

É uma jornada. Sempre reservo o penúltimo mês do ano para celebrar mais uma volta ao redor do sol de meu projeto pessoal, um evento que agora comemora 22 anos chamado Trabalho Sujo. E como todo mês de novembro, transformo nossa catarse mensal em um grande encontro de ícones da cultura deste século em prol das boas vibrações e do alto astral. Ao meu lado, como sempre, o cientista comportamental Danilo Cabral, ajuda a manter as condições perfeitas de temperatura e pressão no auditório azul, conduzindo a espaçonave para outras dimensões. No auditório preto, duas masterclasses apresentadas por duas duplas célebres: a psicóloga de zeitgeist Vera Egito e a fotopesquisadora Camila Cornelsen deixam o audiovisual em segundo plano para mergulhar num mundo sonoro dos sonhos em quem ninguém fica parado. Logo após sua apresentação, o mentor underground Mancha e seu pupilo JP sintonizam frequências de outras esferas para melhorar ainda mais o astral da madrugada. O frio e a chuva fora de época parecem lutar contra a congregação harmônica desta noite, mas quem já foi sabe que a temperatura externa é algo que conseguimos manter fora de nossa celebração. E só pode entrar no recinto os convivas que se anteciparem e mandarem seus nomes pelo endereço eletrônico noitestrabalhosujo@gmail.com até o dia do evento.

Noites Trabalho Sujo @ Trackers
Sabado, 11 de novembro de 2017
22 anos de Trabalho Sujo
A partir das 23h45
No som: Alexandre Matias, Danilo Cabral, Vera Egito, Camila Cornelsen, Mancha e JP.
Trackers: R. Dom José de Barros, 337, Centro, São Paulo
Entrada: R$ 40, só com nome na lista pelo email noitestrabalhosujo@gmail.com. Aniversariantes da semana não pagam para entrar (avise quando enviar o nome no email, por favor). Os cem primeiros a chegar pagam R$ 25.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *