Pomo, de Paulo Henriques Britto

Da vida só têm substância
a casca e o caroço.
No meio só tem amido,
embromações do carbono.
Porém todo o gosto reside
nessa carne intermediária,
sem valor alimentício,
sem realidade, sem nada.

É nela que os dentes encontram
o que os mantém afiados;
com ela é que a língua elabora
a doce palavra.

Muito foda, dizaê.

Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. Fred disse:

    Achei massa.