Cine Doppelgänger: Aquele maio

No Intenso Agora (2017) e Tudo Vai Bem (1972)

No Intenso Agora (2017) e Tudo Vai Bem (1972)

E na penúltima sessão da segunda temporada do Cine Doppelgänger, eu e a Joyce Pais, do site Cinemascope, falamos sobre dois filmes associados ao mítico maio de 1968: Tudo Vai Bem (1972), dirigido pela dupla de cineastas e ativistas franceses Jean-Luc Godard e Jean-Pierre Gorin recapitula os feitos do mês em Paris de um ponto de vista quase didático, enquanto o documentário brasileiro No Intenso Agora (2017), de João Moreira Salles, revê o mesmo período de um ponto de vista estritamente pessoal. A sessão Aquele Maio acontece neste sábado, a partir das 14h, de graça, na Casa Guilherme de Almeida (mais informações aqui) – e as inscrições podem ser feitas aqui.

Você pode gostar...