50 anos de Fun House, dos Stooges

funhouse_50

Um dos discos mais intensos da história do rock, o Fun House, segundo disco dos Stooges, ganha uma versão de aniversário que se desdobra numa caixa com 15 (!) LPs, que dissecam esta obra-prima do barulho com um microscópio, incluindo não apenas uma edição dupla do disco original em 45 RPM como todas as gravações feitas no estúdio, que já tinham aparecido na caixa The Complete Fun House Sessions, lançada em 2005, que chega pela primeira vez em vinil.

Além disso, a caixa também traz o pirata ao vivo Have Some Fun: Live At Ungano’s (gravado na casa de shows em Nova York no dia 17 de agosto de 1970, com o roadie Zeke Zettner no lugar do baixista Dave Alexander, que estava muito bêbado para subir no palco), dois compactos de sete polegadas (“Down On The Street” e “I Feel Alright”, “Down On The Street” (Single Mix) e “I Feel Alright” (Single Mix)), um livro com 28 páginas com fotos inéditas e um ensaio assinado por Henry Rollins, além de textos de Flea, Joan Jett, Shirley Manson, Thurston Moore, Tom Morello, Karen O, Mike Watt, entre outros, réplicas de pôsteres e flyers e um adaptador para ouvir discos 45 RPM. Esta versão terá apenas 1970 cópias e custa 400 dólares – e já está em pré-venda.

funhouse_box

Você pode gostar...