Como foi a Noite Trabalho Sujo com o Danilo Cabral e a Mayra Maldjian

noitestrabalhosujo_300115-00

Sexta passada Danilo e Mayra fizeram a pequena multidão na pista do Alberta ir ao delírio, como dá pra ver pelas fotos da Natália – até dei uma palhinha… Sexta que vem quem segura a noite é o Luiz Pattoli, voltando de temporada no Texas, que convidou o Wilson Farina para dividir os CDJs – e quem abre a primeira Noite Trabalho Sujo deste fevereiro é o escritor e bon vivant JP Cuenca, comemorando sua mudança para São Paulo. Prepare-se!

 

Noites Trabalho Sujo apresenta Danilo Cabral e Mayra Maldjian

noites30janeiro2015

E para continuar esquentando o verão 2015, reuni o mestre Danilo Cabral, desfilando groovezeira setentistas, pérolas pop, clássicos indie e o melhor da música para dançar, ao lado da musa Mayra Maldjian, que traz sua seleção de hip hop, soul e pop moderno pra temperar a melhor sexta de São Paulo que são as Noites Trabalho Sujo. Dá pra mandar nomes pra lista pelo [email protected] até às 19h que você entra na lista de desconto. Chega junto que nunca tem erro!

Noites Trabalho Sujo apresenta Danilo Cabral e Mayra Maldjian
Com Danilo Cabral e Mayra Maldjian
Sexta-feira, 30 de janeiro de 2015
Alberta #3. Avenida São Luís, 272. Centro.
A partir das 22h.
R$ 35 / R$ 25 (com nome na lista pelo [email protected])

Como foi a Noite Trabalho Sujo com o Danilo Cabral e a Mayra Maldjian

Mais uma Noite Trabalho Sujo que eu não apareço – não vejo a hora de voltar… -, mas isso não é motivo para ficar parado, como aconteceu em outra sexta memorável na semana passada – quee além da Mayra e do Danilo ainda contou com a ilustre presença de Fábio “Mumu” Bianchini. Sente as fotos da Bárbara aí embaixo… E nessa sexta tem Pattoli x Tiagão!

 

Noites Trabalho Sujo apresenta Danilo Cabral x Mayra Maldjian

Outra Noite Trabalho Sujo sem a minha presença, outro embate épico das forças do bem da pista de dança. De um lado, o compadre Danilo Cabral, com uma discotecagem que pinça classic rock, dance music e indie rock. Do outro, a bela Mayra Maldjian, ativando os controles do coração do groove. Em comum: o gosto pelos hits e pela pista cheia, aquele clima que você conhece… Fora que ainda há a possibilidade de uma aparição surpresa relâmpago! Para chegar lá, basta pegar o mapa da mina no site do Alberta quanto na página do evento no Facebook. Nomes na lista podem ser enviados para o email [email protected] até o fim da tarde dessa sexta. Mais uma noite promissora, mais uma sexta-feira inesquecível.