Macaco Bong e Odradek no Centro do Rock

macacobong-odradek

Duas bandas de rock torto do selo Sinewave, Macaco Bong e Odradek, dão início à última semana de apresentações gratuitas no CCSP nesta quinta, às 21h (mais informações aqui).

Centro do Rock 2018

centro-do-rock-2018

Mais uma vez celebramos o mês de julho com rock no Centro Cultural São Paulo em mais uma edição do Centro do Rock, com trinta atrações gratuitas em quinze dias de show na mítica Sala Adoniran Barbosa, um templo do gênero em São Paulo. Repetindo o sucesso do ano passado, o festival traz o melhor do novo rock brasileiro, reunindo bandas de norte a sul do país em shows de graça. São bandas de rock clássico, psicodélico, new metal, rock alternativo, hardcore, rock instrumental, noise, drone, pós-rock, rock progressivo, indie rock, shoegaze, pós-punk, entre outras variações do gênero de todos as regiões do país: do Ceará ao Rio de Janeiro, do Goiás ao Rio Grande do Sul, do Pará Paraná, do Mato Grosso ao Pernambuco, de São Paulo ao Rio Grande do Norte. A programação é a seguinte:

Quarta, 4, às 21h
Far from Alaska e Deb and the Mentals

Quinta, 5, às 21h
Giallos e Kalouv

Sábado, 7, às 19h
Papisa e Cora

Domingo, 8, às 18h
Stratus Luna e Bombay Groovy

Quinta, 12, às 21h
Oruã e Goldenloki

Sexta, 13, às 19h
Sky Down e Lava Divers

Sábado, 14, às 19h
In Venus e Mieta

Domingo, 15, às 18h
Gorduratrans e Def

Quinta, 19, às 21h
Black Pantera e Molho Negro

Sexta, 20, às 19h
Maquinas e Astronauta Marinho

Sábado, 21, às 19h
Carne Doce e Bruna Mendez

Domingo, 22, às 18h
My Magical Glowing Lens e Bike

Quinta, 26, às 21h
Macaco Bong e Odradek

Sexta, 27, às 19h
Picanha de Chernobill e Marcelo Gross

Sábado, 28, às 19h
Frieza e Basalt

Macaco Bong no CCSP

macaco-bong-avec-silenzi

A banda matogrossense de pós-rock toca nesta quinta na Sala Adoniran Barbosa em um evento da Sinewave, às 21h, com abertura da banda carioca Avec Silenzi (mais informações aqui).

Macaco Bong no Auditório Ibirapuera

Videozinho que o povo da DoSol fez com o grupo matogrossense, no show que eles fizeram com convidados (Móveis, Siba, Porcas Borboletas e Vitor Araújo) aqui em São Paulo no mês passado.

Macaco Bong na cozinha

Olha que fera o grupo matogrossense no Música de Bolso.

Puta banda.

Os 50 melhores discos de 2008: 20) Macaco Bong – Artista Igual a Pedreiro

Você gosta de Rush? E de heavy metal? Gosta de Helmet? Jazz fusion? E de Journey? E Pat Metheny? Dire Straits? Existem algumas escolas na música pop que tornaram-se malditas por alguns excessos, quase todos vinculado ao uso de desenfreado de timbres e maneirismos na guitarra elétrica. O trio matogrossense Macaco Bong faz desta sonoridade seu parque de diversões e é possível ouvir cada um destes virtuoses malditos em pequenos detalhes do épico instrumental Artista Igual a Pedreiro – mas não só. Cuidadosamente lapidado, o disco de estréia da banda de Cuiabá contém milhares de facetas diferentes e é tanto possível situá-la entre a safra sem vocal que inclui o Hurtmold, o Pata de Elefante, o Mamma Cadela e os Seychelles como entre filhotes setentistas brasileiros de Jimi Hendrix (Robertinho do Recife e os baianos Armandinho e Pepeu Gomes, por que não?) ou entre grupos de hardcore que descobriram o free jazz, inventando o pós-rock, como Slint e Tortoise. Mas se é pra definir o som dos três, este fica entre a técnica de músicos da banda de Frank Zappa com o senso pop do Thin Lizzy, a dinâmica de hits do Built to Spill, o senso melancólico do Arthur Lee (do Love) e a velocidade de Alvin Lee (do Ten Years After). Uma banda que aparenta ser deliciosamente retrô para enganar o ouvinte e catapultar seu senso estético para alguns anos no futuro, num disco virtuose e progressivo (as faixas têm em média sete minutos) que vai de encontro a todos os achismos cogitados sobre como fazer sucesso para deixar isso em segundo plano e aspirar a História.

20) Macaco Bong – Artista Igual a Pedreiro

Macaco Bong – “Black’s Fuck

Colisão instrumental

Duas das melhores bandas de rock instrumental do Brasil se encontraram mês passado para um show conjunto aqui em São Paulo – olha o estrago. A dica é do Nogueira.

Vida Fodona #122: Mais Pra Canção

Hoje tem Velvet, Wilco e Bowie ao vivo, clássicos do Talking Heads, Tom Zé e Novos Baianos, novas do TV on the Radio, Lambchop, Mogwai, Macaco Bong e Fujiya & Miyagi, além de dois mashups, uma demo e um remix. Sirva-se!

Renato Russo – “Geração Coca-Cola”
Pavement – “Western Homes”
Lambchop – “Popeye”
Velvet Underground – “I Can’t Stand It”
Talking Heads – “Air”
Mudhoney – “Thorn”
Tom Zé – “Mã”
Novos Baianos – “Suingue de Campo Grande”
Macaco Bong – “Vamos Dar Mais Uma”
Beatles – “Golden Slumbers”
David Bowie – “Life on Mars”
Wilco – “Shot in the Arm”
Smiths – “How Soon is Now? (Mark Ronson Remix)”
Elastica – “All Nighter”
Fujiya & Miyagi – “Knickerbocker”
Mogwai (feat. Roky Erikson) – “Devil Rides”
TV on the Radio – “Golden Age”
Arty Fufkin – “Giver Losers a Chance”
Soul Cookin’ – “99 Supersonic Problems”

Vida Fodona #110: Time to Pretend

Prometo que não torno isso (um MP3 de 300 mega :P) freqüente, mas segue um balanço de 2008 até aqui. E é o Vida Fodona Soundystem: volume 3 – ou seja, sem conversa no meio. É pra deixar baixando hoje à noite e deixar como trilha sonora da semana. Se bem que, de repente, quarta-feira tem outro na área.

Wale – “The Opening Title Sequence”
Racionais MCs – “Tá na Chuva”
Sam Sparro – “Black & Gold”
Cut Copy – “Hearts On Fire (Midnight Juggernauts Remix)”
Mystery Jets – “Young Love (Shoes Mix)”
Black Kids – “I’m Not Gonna Teach Your Boyfriend How To Dance With You (The Twelves Remix)”
Girl Talk – “Freak Out”
Electrosound – “Does Rick Offend You?”
Estelle (feat. Kanye West) – “American Boy (Nadastrom Remix)”
Death Cab for the Cutie – “I Will Possess Your Heart”
Macaco Bong – “Fuck You Lady”
Notwist – “On Planet Off”
Portishead – “Hunter”
Radiohead – “Super Collider (live in Dublin)”
Curumin – “Compacto”
Wado – “Fita Bruta”
Neon Walrus – “John Solo”
Stephen Malkmus & the Jicks – “Real Emotional Trash”
Pipodélica – “Hora H”
Raconteurs – “Five on the Five”
Black Keys – “Strange Times”
Jesus & Mary Chain – “All Things Must Pass”
MGMT – “Time To Pretend”
Weezer – “Pork and Beans”
Mallu Magalhães – “Tchubaruba”
Hercules & Love Affair – “Blind”
LCD Soundsystem – “Big Ideas”
Ting Tings – “Great DJ (Calvin Harris Remix)”
N*E*R*D – “Everyone Nose ”
We Are Scientists – “Chick Lit (Danger TV Remix Edit)”
Ladyhawke – “Paris Is Burning (Alex Gopher remix)”
Gnarls Barkley – “Who’s Gonna Save My Soul”
Al Green – “Too Much”
Marcelo Camelo – “Doce Solidão”
Vítor Araújo – “Samba e Amor”
Black Crowes – “We Who See The Deep”
Sebastian Tellier – “Divine (Midnight Juggernauts Remix)”
Lily Allen – “I Could Say”
Was (Not Was) – “Semi-Interesting Week”
Jamie Lidell – “Wait For Me”
Gossip – “Yesterday’s News (live in Liverpool)”
Roots – “75 Bars (Black’s Reconstruction)”
Why? – “Fatalist Palmistry”
Theatre of Disco – “YOA (The Twelves Remix)”
Edu K. (feat. Marina Vello) – “Me Bota Pra Dançar”
Scenario Rock – “Skitzo Dancer (Justice Remix)”
Annie – “I Know UR Girlfriend Hate Me (Get Shakes Remix)”
Cansei de Ser Sexy – “Left Behind”
Late of the Pier – “Space And The Woods (Switch remix)”
M83 – “Graveyard Girl (Yuksek Rmx)”
Spiritualized – “Goodnight Goodnight”