Super-heróis do rap

marvel-hiphop

O artista canadense Beddo recriou clássicas capas da Marvel protagonizadas por ícones do hip hop e eu reuni as melhores delas lá no meu blog no UOL.

O ilustrador canadense Beddo resolveu reunir suas duas paixões em uma série de painéis que recriam capas clássicas da Marvel com ícones do rap dos anos 80 e 90. Assim, ele coloca Tupac Shakur como Wolverine em duas situações (posando na capa da primeira edição da clássica Dias de um Futuro Esquecido e na capa de uma das edições de sua primeira minissérie solo), o grupo Wu-Tang Clan assume o papel de todos os heróis da capa da primeira edição de Guerras Secretas, Notorious B.I.G. recria a capa da edição do Homem-Aranha que apresenta o Rei do Crime, Nas aparece como na capa da edição dos Vingadores que apresenta o andróide Visão, o Public Enemy surge homenageando a edição da revista Novos Mutantes que traz pela primeira vez a Frente de Libertação Mutante, Rakim vem como Tony Stark enfrentando o alcoolismo, o A Tribe Called Quest reencena uma capa clássica do Quarteto Fantástico e Lauryn Hill vem como a primeira aparição de Jean Grey como Fênix Negra, nos X-Men. Ficou demais.

A pré-história do hip hop

GhettoBrother

Saiu mais uma tradução que fiz com a minha mulher Mariana, a HQ Ghetto Brother, que fala sobre a guerra de gangues em Nova York e como ela deu origem ao hip hop – falei dela lá no blog no UOL.

Mais um capítulo da batalha do rap com Jimmy Fallon e Justin Timberlake

justin-timberlake-jimmy-fallon

O dueto entre Jimmy Fallon e Justin Timberlake desfilando clássicos do hip hop já se tornou uma tradição e em sua sexta edição conta com nomes como Public Enemy, MC Hammer, “C.R.E.A.M.”, Kendrick Lamar, Drake e Beastie Boys, entre outros, saca só:

R. Kelly & Jay Z – “Fiesta”
LL Cool J – “Rock the Bells”
Whodini – “Friends”
Slick Rick & Doug E. Fresh – “La Di Da Di”
Public Enemy – “Fight the Power”
NWA – “Straight Outta Compton”
Salt-N-Pepa – “Let’s Talk About Sex”
MC Hammer – “U Can’t Touch This”
DJ Jazzy Jeff & The Fresh Prince – “Summertime”
Wu-Tang Clan – “C.R.E.A.M.”
Notorious B.I.G. (feat. Puff Daddy & Mase) – “Mo Money Mo Problems”
Snow – “Informer”
Nelly – “Country Grammar”
Bone Thugs-n-Harmony – “Crossroads”
R. Kelly – “Ignition (Remix)”
Chris Brown – Look at Me Now (feat. Lil Wayne & Busta Rhymes)
Kendrick Lamar – “Bitch Don’t Kill My Vibe”
Drake – “Know Yourself”
Big Sean – “I Don’t F*** With You”
Jay Z & Kanye West – “Otis”
Fetty Wap – “My Way”
Ace Hood (feat. Future Rick Ross) – “Bugatti”
Beastie Boys – “Fight For Your Right”

O primeiro trailer do filme sobre o NWA

straightouttacompton

O trailer de Straight Outta Compton, o filme sobre a história do NWA produzido pelo Dr. Dre e pelo Ice Cube, já havia aparecido num show deste último, mas agora ele chega à internet em melhor qualidade.

Será que tem um revival gangsta vindo aí? Será que estamos prontos pra isso? O quanto isso não funcionaria como lenha para diversas fogueiras? Ou será que o filme irá adoçar as partes mais pesadas da história do grupo? Afinal, hoje em dia Dr. Dre é um dos nomes mais poderosos do showbusiness americano…

O meta hip hop do Eclectic Method

metahiphop

Se o hip hop é feito de pedaços de músicas, que tal uma faixa inteira feita com pedaços de outras faixas de hip hop? Esse é o “Meta Hip Hop”, exercício de musical de linguagem feito com primor pelo coletivo londrino de VJs e DJs Eclectic Method, enfileirando Jay-Z, Beastie Boys, Snoop Dogg, Missy Elliot… e você consegue acertar todos os nomes citados/sampleados?

Sir Mix-A-Lot: “Baby Got Back” e uma orquestra!

sir-mix-a-lot-seattle-symphony

Quem podia esperar por essa? Sir Mix-A-Lot apresentou-se com a Orquestra Sinfônica de Seattle – e como se só isso não fosse o suficiente, é claro que ele não iria deixar a oportunidade de cantar sua clássica “Baby Got Back” para uma platéia tão seleta. E pediu para as damas subirem ao palco, afinal…

“Meu intuito com o este trabalho orquestral inspirado no Sir Mix-A-Lot era realmente entrar na mente do Sir Mix-A-Lot, entender como seus ritmos, texturas, sons e harmonias funcionam e criar uma composição orquestral contemporânea que fosse fiel à música de Sir Mix-A-Lot”, escreveu o maestro Gabriel Prokofiev (neto do Sergei) em seu blog, explicando o feito.

Tumblr do dia: B4XVI

B4XVI-00

Cecilia Azcarate se prestou a uma tarefa heróica – traçar os paralelos entre a cultura hip hop no século 21 e o mundo da arte antes do século 16. O resultado é este tumblr maravilhoso – separei umas imagens abaixo:

 

4:20

biggie

De La Soul 2014: “Legalize The Daisy Age!”

delasoul

E assim o De La Soul agradeceu a quem baixou seus discos de graça na semana passada:

To: Our friends and fans

We want to thank you all for making our Valentine’s Day extra special this year! The love was tremendous. The kind words made sharing feel worth it, (more than ever) thank you! For any difficulty or delay in the process, we send our sincere apology. Damn! It was crazy, but nonetheless, a success. You guys showed up, and even with the minor delays you were patient and handled it like champs. Your support definitely helped turn the volume up… “This is still the Daisy Age”

If you signed up and have not yet received your links, don’t worry you WILL get them. Our team is working hard to make sure that no one is left out. You’re Welcome.

Much love y’all,

Pos, Dave & Mase
Legalize The Daisy Age!

Nós que agradecemos!

Todo o show: Meia hora de Run DMC ao vivo em Nova York, 1985

rundmc-1985

E até hoje tem quem diga que rap não funciona em show…