Artejornalismo: Bruno Ascari

Em mais uma programa sobre o jornalismo que cobre música neste século, desta vez, convido o grande Bruno Ascari, dono do canal Som de Peso para falar de sua experiência pré-YouTube, como nasceu seu veículo, sua rotina de trabalho, suas atividades paralelas e os planos para expandir o canal, inclusive para além da internet.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Isadora Almeida

Em mais uma edição do Artejornalismo, quando converso com novos nomes do jornalismo que cobre música no Brasil, converso com a querida Isadora Almeida, que depois de passar por duas gerações da MTV agora trabalha em dois podcasts distintos – o Popcast, ao lado de Lúcio Ribeiro (http://www.popload.com.br/tag/popcast/), e o Vamos Falar Sobre Música (http://vamosfalarsobremusica.com.br/). Aproveitei para voltar no tempo e repassar sua trajetória antes mesmo de vir para São Paulo.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Guilherme Guedes

Mais um programa sobre jornalismo e música, desta vez convido o grande Guilherme Guedes, que conta como ele saiu da cobertura da política em Brasília para acompanhar artistas, shows e festivais, primeiro no blog Tenho Mais Discos Que Amigos, para depois chegar ao Multishow, onde apresenta o programa Experimente e ainda toca, por conta própria, o podcast Queijo Quente e uma série de entrevistas Quarta às Nove em sua conta pessoal no Instagram.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Isabela Yu

Mais um programa sobre o jornalismo que cobre música neste século e converso com a Isabela Yu, que além de colaborar com o MonkeyBuzz e com a Elle, também edita a edição impressa da revista Balaclava, que ganhará seu próprio site a partir da próxima edição. Aproveito para conversar sobre suas passagens pela MTV e discutir como o jornalismo cultural independente vem se transformando nos últimos anos.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Pedro Antunes

Em mais um Artejornalismo, converso sobre a prática e o ofício com o grande Pedro Antunes, que passou pelo Estadão e pela Rolling Stone antes de lançar seu Tem Um Gato na Vitrola e assumir uma coluna autoral no UOL. E aproveitamos para conversar sobre pautas, equipes, leads, entrevistados e outros percalços da profissão.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Joyce Guillarducci (Cansei do Mainstream)

Mais um programa para falar sobre jornalismo que cobre música neste século e desta vez convidei a Joyce Guillarducci, do Cansei do Mainstream, para uma conversa sobre como ela conseguiu estabelecer seu site num modo de publicação lento e falando de artistas completamente fora dos padrões comerciais. Ela nega ser jornalista – prefere se rotular como blogueira, mesmo sabendo que o termo tornou-se pejorativo – e conta como foi aos poucos aprendendo a lidar com artistas, público e pautas sem nunca ter passado por uma faculdade de jornalismo.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Bruno Nogueira

Em mais um programa sobre jornalismo e música, mais uma vez conecto-me com o Recife e desta vez chamo o velho compadre Bruno Nogueira, que começou fazendo fanzines eletrônicos no início do século, passou pelas redações de alguns dos jornais da cidade, criou o clássico blog Popup e passou a ajudar na curadoria do Abril Pro Rock, um dos principais festivais da cidade. Mas sua trajetória também é uma forma de repassar os caminhos do jornalismo que cobre música no início deste século, além de fazer a ponte com a academia, já que ele acaba de ser promovido a diretor de comunicação da UFPE, onde leciona há anos.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Rafael Chioccarello (Hits Perdidos)

Em mais um programa sobre jornalismo e música, chamei o Rafael Chioccarello, do site Hits Perdidos, para contar sua trajetória junto à cobertura de música, como ele aos poucos criou seu próprio site e como o utiliza para travar diálogos – tanto no site quanto nas redes sociais – com seu público e também com artistas, aos quais dedica uma especial atenção inclusive fora de seus domínios. Ele conta como fez teste para ser VJ da MTV, como a pandemia mexeu com seu trabalho e quais são os novos desafios para 2021.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Bento Araújo (Poeirazine)

Conversando sobre jornalismo e música praticados neste século, desta vez chamei Bento Araújo, o senhor Poeirazine, para contar sua trajetória e falar sobre este pequeno império pessoal que ele criou no começo do século, como um fanzine impresso. Entre 2003 e 2016, a publicação pagou as contas de Bento, que embarcou em seguida em um projeto mais ousado: um livro bilíngüe sobre os 100 discos psicodélicos mais importantes do país. Lindo Sonho Delirante chega à sua terceira edição e funciona como gancho para falarmos sobre jornalismo independente, como sustentar um negócio desta natureza, a comunidade que ele criou ao seu redor, turnês pela Europa, o Poeiracast e, claro, sobre sua paixão pela música.

Assista aqui.  

Artejornalismo: Cleber Facchi (Miojo Indie)

Há dez anos resenhando dezenas de lançamentos por mês, Cleber Facchi e seu Miojo Indie estão às vésperas de uma mudança radical. Ele prefere só deixar o futuro próximo no ar, mas aproveito a oportunidade para voltar aos seus anos de formação, tanto como fã de música quanto como jornalista no interior do Paraná, para recapitular o início de seu site e como ele aos poucos se tornou uma das principais referências na cena independente brasileira. Aproveitamos para conversar sobre jornalismo, internet, discotecar, fazer podcasts e as transformações que a quarentena impôs ao mundo da música. Assista aqui.