Deschavando Big Lebowski

O Rob Ager é o mesmo cara que fez aquele vídeo que eu postei outro dia falando das referências à IBM em 2001 e ele tem um site dedicado a esse tipo de dissecação cultural de filmes, principalmente. E entre suas análises em busca de referências e metadados em diferentes obras, eis que ele dedica-se a um favorito da casa:

In this film the Coen’s have dragged us through the universal strikes and gutters of life, the same strikes and gutters that are faced by all people regardless of their country or generation. With creative flair, sophisticated metaphors and good ol’ fashioned humour, they are encouraging us to stop running around like headless chickens and just … well …. you know …

Sua crítica pode ser lida tanto em seu site (que, ele todo, vale a visita) quanto em vídeo, em quatro partes, nos links abaixo.

Parte 1 | Parte 2 | Parte 3 | Parte 4

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. rafael disse:

    videos removidos pelo usuário 🙁

  1. 17/02/2012

    […] deve lembrar do Rob Ager das análises sobre o Big Lebowski e o 2001 que eu já postei por aqui. Seu objeto mais recente de estudo é o filme O Iluminado, do […]