Arcade Fire contra Donald Trump

arcade-fire2017

Lançada no dia anterior à posse de Donald Trump, a música nova do grupo indie canadense Arcade Fire, “I Give You Power”, conta com a diva soul Mavis Staple no vocal e parece ter alvo definido : “Eu lhe dei poder e posso tirar”, repete a letra sobre um groove industrial. A banda não mencionou nenhuma referência a Trump, mas o posicionamento progressista do grupo e o teor de crítica social de suas letras parece deixar claro sobre quem o grupo está falando. A música só pode ser ouvida no mesmo Tidal (ouça aqui) que ainda restringe a audição do melhor disco do ano passado, o Beyoncé da Lemonade, o que quer dizer que talvez o álbum que ainda não sabe se o grupo vai lançar, também deverá ficar restrito a essa única plataforma de streaming, uma vez que o casal Win Butler e Régine Chassagne é sócio da empresa fundada pelo marido de Beyoncé, Jay-Z. Atualização: A banda liberou a música em outras plataformas digitais:

Mas tudo indica que o novo disco está a caminho. Além do grupo já ter programado uma série de shows para o meio do ano, o Arcade Fire também trocou o ícone de suas redes sociais, substituindo-o por um símbolo do infinito com um marca de copyright, o que pode ser uma crítica às megacorporações que estão transformando todos aspectos da vida em produto – o que tornaria “I Give You Power” um hino ainda mais forte e direto não apenas contra Trump, mas contra toda o sistema político atual, cujos valores originais foram corroídos por estas grandes empresas.

arcade-fire-2017

Você pode gostar...