Morrissey no Google Earth

E um gaiato colocou uma versão pixelada do líder dos Smtihs em frente ao tradicional Salford Lads Club, em Manchester, cenário para um clipe e para a foto da banda na parte interna do clássico The Queen is Dead (abaixo).

Vi no Stereogum.

Morrissey gets a job

O Renato era Chato lembra o Morrissey Gets a Job, que o Buzzfeed desenterrou esses dias.

Morrissey e o casamento real britânico

Não sou chegado no Morrissey desde os Smiths acabaram, mas, ah, suas entrevistas

“Why would I watch the wedding? Why would I watch it?” Morrissey said. “I couldn’t take any of that seriously. I don’t think the so-called royal family speak for England now and I don’t think England needs them. I do seriously believe that they are benefit scroungers and nothing else. I don’t believe they serve any purpose whatsoever.”

Realmente… Ou você vai acordar nessa sexta de manhã pra assistir televisão? Eu hein.

A enciclopédia de Morrissey

Botei aquela foto do Morrissey pagando de fãzoca dos New York Dolls ontem e esqueci de linkar o post que a Bean fez sobre o lançamento da Mozipedia. É sério:

Uma enciclopédia sobre Morrissey e os Smiths! Ela conta mais aqui.

Fã é foda

“We’re no strangers to love…”

You’ve been smiths’n’roll’d.

“Eu memo”

Falando do sujeito…

4:20

Hillary Duff + Morrissey

De frente não dá pra ver direito…

…mas, sim, é uma camisa do Morrissey!

Tua vez, Vinícius!

Garrafada no Morrissey

2009 não tá sendo bom ano para a grande diva indie. Além de um disco medonho e de ter tido um piripaque em pleno palco há três semanas, agora foi a vez de Morrissey tomar um choque de realidade à la Carlinhos Brown – e tome garrafada na cabeça enquanto apresentava-se em Liverpool no fim de semana. A reação foi típica do velho ex-líder dos Smiths: recuperou-se e foi embora.