Slide

lord_summerisle

Christopher Lee já havia deixado pra trás os papéis de vilão que o eternizaram para a minha geração ao assumir papéis como o Conde Dooku na trilogia recente de Guerra nas Estrelas, do mago Saruman nos épicos do Senhor dos Anéis e até como o pai de Willy Wonka na versão que Tim Burton fez para a Fantástica Fábrica de Chocolates. Mas ele só chegou a esses papéis depois de viver clássicos da maldade como o mais eterno Drácula (nas produções inglesas da Hammer, no fim dos anos 50) e o infalível Scaramanga (007 contra o Homem com a Pistola de Ouro, de 1974).

Mas meu filme favorito com ele é o fantástico O Homem de Palha, de 1973, desses filmes que melhoram a cada vez que você reassiste:

Fazer papel de vilão não é fácil. Livrar-se deles é mais difícil ainda. Christopher Lee viveu bem.

bob-fernandes-

Meu comentarista político favorito, Bob Fernandes, sempre preciso:

miltom

O site do jornalista Marcelo Costa Scream & Yell lança mais um disco-tributo em homenagem a um de seus ídolos, o cantor e compositor Milton Nascimento. A coletânea Mil Tom sai em dois volumes e o primeiro deles reúne nomes como Vanguart, Tono, Letuce, Aláfia, Bruno Souto, Karol Conká e Rashid resgatando pérolas do cancioneiro de Minas Gerais compostas por esse carioca de nascimento. Separei aqui a bucólica versão que a Bárbara Eugênia e o Pélico fizeram pra “Paula e Bebeto”, mas dá pra ouvir e baixar o disco inteiro lá no Scream & Yell.

Marlon-brando

O documentário Listen to Me Marlon estréia no meio do ano, dirigido pelo mesmo Stevan Riley que já fez filmes sobre boxe, críquete e a franquia de cinema de James Bond, mas tem duas grandes vantagens em relação a suas produções anteriores: o fato de lidar com um grande ícone pop de carne e osso e de usar apenas material dos arquivos de Marlon Brando, o que faz o filme ser quase todo narrado pelo próprio ator. Veja o trailer abaixo:

mini

O bom e velho Mini entrou em recesso após o fim d’OEsquema (embora seu Conector siga online) e vai aproveitar esse tempo fora pra repensar o conceito do site – e quem sabe escrever um livro? Mini é um dos meus pensadores favoritos sobre a cultura deste século e expôs um problema pessoal em uma apresentação num TEDx para falar uma faceta importante da mania por cultura pop, que vai muito além do parâmetro que ele delimita.

mexrrissey

Conheça o Mexrissey.

Sim: uma banda dedicada a reler clássicos do líder dos Smiths como se eles fossem músicas do México!

Ai, ai, ai…

master-punk

Parece mentira, mas esses cartões de crédito dos Sex Pistols são de verdade

007

Eis mais um trailer do novo filme de James Bond, o segundo dirigido por Sam Mendes, que parece ter conseguido dar um jeito na franquia ao colocar o trem de Daniel Craig de volta nos trilhos com o ótimo Skyfall. Com apenas um minuto de duração, o teaser mostra cenas que já havíamos visto anteriormente em sua primeira metade, pra desfilar cenas mais promissoras a partir dos 30 segundos.

E segue ainda o mistério: será que Ernst Stavro Blofeld irá dar as caras? Só saberemos em novembro.

blue-shining

O canadense Richard Vezina misturou a paranoia alucinante do filme de Kubrick com elementos da filmografia de David Lynch e o resultado é um Hotel Overlook que parece ter saído de um sonho…

…ou de um pesadelo?

The-Martian

A máquina de hype de The Martian, o novo filme de Ridley Scott, foi ligada nesta semana e eu falei mais sobre o livro que inspirou o filme, o retorno do diretor à ficção científica e a tendência de Hollywood de falar sobre o espaço sideral lá no meu blog do UOL.