Vinteonze: A normalidade 302

Mais uma tempestade de cérebros em meia a certa curiosidade artística, Ayn Rayd e o antialtruísmo, o incômodo natural do artista, latinidades e umas coisas meio afro, o falar com a própria voz, a função do rótulo, gente que nem sabe que é artista, MPB enquanto armadilha, a medida do sucesso, as famigeradas listas de melhores do ano, discos sem código de barra, o papel da cobertura cultural, a morte da capa do disco, o momento em que algo ainda está sendo desenhado, o artista sem carreira, o mundo musical que ainda não existe, view ou hit, um ano de maturação, como foi a Goma Laca e as novidades das Noites Trabalho Sujo e do Veneno Soundsystem. Na trilha, Lugar Comum, do João Donato.


Ronaldo Evangelista & Alexandre Matias – “Vinteonze #0029“ (MP3)

Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. YCK disse:

    Passou batido esse vinteonze, somente o vi por causa do outro post remetendo a este.
    Rótulo serve para explicar rapidamente para alguém do que se trata e quando queremos achar na loja de disco (virtual ou física). E tava lá no Goma Laca, foi bem bom, principalmente as primeiras com a Juçara.

  2. PH Peixoto disse:

    Po, os discos de 2011 q eu mais ouvi foi o novo do Girls (longamente comentado e trilha de um vinteonze recente) e “No time for dreaming” do Charles Bradley (soul music da melhor qualidade).

    Agora, e o Sinedóque Nova York??? Achei q vcs iam comentar o filme nesse podcast.. rs

  3. Arthur disse:

    Pra mim:

    1. Owen – Ghost Town
    2. Arctic Monkeys – Suck it and see
    3. The Rapture – In the grace…
    4. Maritime – Human Hearts
    5. Death Cab For Cutie – Codes and Keys

    Nacional:

    1. Marcelo Camelo – Toque Dela
    2. Criolo – Nó na Orelha
    3. Romulo Fróes – Um Labirinto em Cada Pé
    4. Kassin – Sonhando Devagar
    5. Leo Cavalcanti – Religar

  1. 10/12/2011

    […] da faixa Cidadão Instigado do Criolo, lançado nessa sexta, é um bom exemplo daquele papo de média 302 que eu tava falando no último Vinteonze – compara a quantidade de views com o de likes, pra ver como teve mais gente gostando do que […]