Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. Paulo Rená disse:

    Tô aqui ouvindo uma lista de músicas que a Alisson Mosshart tocou na BBC6 (indicação do Lucio Ribeiro) e tem The J.B. Pickers com Freedom Of Expression, uma faixa que eu não sabia que “existia” mas que na verdade está no imaginário de todos nós brasileiros há décadas, como sinônimo de sexta-feira desperdiçada em casa. Acho que – além do folclore – ela tem uma pegada psicodélica e groove que cabe aê num vida fodona.

    E essa Sugar Man, hein, que canção bacana!

  2. Paulo disse:

    Por que essa má vontade com o frio Matias, desse jeito fica dificil convidar você á tocar aqui no frio do sul.

  3. “Mirrors”, do Timberlake: até o momento, música do ano.

    • Por aqui a que melhor bateu em 2013 foi

      http://www.youtube.com/watch?v=6oXJus1ajIU

      Mas no balanço das horas tudo pode mudar.

      Essa do Justin eh bem fera, mas tem um que de N Sync, nao achou?

      • Cara, até que tem. Pra mim, em pé de igualdade com “Cry Me A River”. Pop impecável, do truque safado das palmas na caixa à sessão de cordas açucarada, do refrão ganchudo aos vocais triplicados de Justin. Timbaland é fo-da.

        Em tempo: bem que o Andrew Weatherall podia dar uma fuçada nessa (boa) faixa do My Bloody Valentine. Tá pedindo um baixo mais grooveado e uma cadência menos neurótica.

      • Dançou, Justin. “Ballad of the War Machine” do Midnight Juggernauts é a música do ano (até agora).

  4. Gabriel Lucas disse:

    Electric Guest reaparecendo! o/