Não curto poesia

Mas curti essa, do Mitsu, que tem um blog legal:

E ai gata me da um beijo so que eu largo do seu braco um beijo so o que custa vai eu te saquei olhando pra mim na pista essa noite e nossa vem ca eu tambem adoro essa musica sempre gostei de mulher morena po esse ar condicionado ta muito forte ne faz mo friao outro dia nem tava funcionando direito po que kra e essa linda chega aqui mais perto olha eu to sendo chato? olha eu to sendo chato? sei que to sendo chato mas e que voce tem alguma coisa que eu nao vejo em mais ninguem aqui nessa boate nao precisa falar nada so chega mais perto

eu vou chamar o segurança

tambem nao queria nada sua piranha


Fin

Gif animados de capas de discos

A essa altura você já deve ter visto esse tumblr

Mashup de capas de discos

Do Christian Marclay: é uma espécie de Sleeveface versão mosaico. Vi lá no Bruno.

César Vilela e as capas da Elenco


“Comecei a simplificar na Odeon, uma das principais capas dessa época é a do Noel Rosa –com uma rosa no lugar do “o”. Eu via as vitrines confusas, todos fazíamos capas muito confusas. E não havia TV para fazer propaganda -as capas tinham de vender o disco! Aí lembrei que o Marshall McLuhan chamava isso de ruído visual e comecei a simplificar ao máximo. Os discos da Elenco brigavam nas lojas com os discos das multinacionais, eles tinham de sobressair. A simplificação das capas foi uma maneira de chamar a atenção para eles.”

O Ronaldo recuperou uma entrevista que ele fez com o César Vilela, designer autor das hoje clássicas capas do selo Elenco, de quem ele também foi curador de uma exposição em 2004, relação que começou com o modesto site de fã que ele fez sobre o cara quando ainda vendia discos na Bizarre.

E essa capa do disco novo do Weezer?

É sério. Os caras até postaram até o logo depois dessa foto maluca.

Fora que o Spinner já cogitou umas variações…

Arctic Monkeys stoner?

É o que os caras do Pitchfork tão cogitando ao revelar a capa do próximo disco da banda, lembrando que eles tão trabalhando com o Josh Homme. Pode ser uma ótima tanto pra banda quanto pro gênero – afinal de contas, o que hoje chama-se de “stoner rock” também pode ser chamado de “imitadores de Josh Homme” – e os Monkeys com certeza vão além desse formato. E o Terron disse que eles querem vir ao Brasil ano que vem.

Cover de capa

O designer Little Pixel remixou capas de discos como se elas fossem capas de livros da Pelican. Ficou classe – e aqui tem mais.