Somos Tão Jovens – Um filme sobre o início do Legião Urbana

somostaojovens

E na primeira cena do trailer aparece o ator que faz o Renato Russo usando o uniforme do mesmo Colégio Marista que estudei. Vou ter que assistir.

Estréia dia 3 de maio.

Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. Dwarf disse:

    Louvavel. Mas vou ser chato, pe-no-saco, o escambau. Nao e’ hatreismo, apenas me irritou profundamente. Acho que um filme toao esperado, sobre um idolo, um ser tao amado por tantos, merecia mais capricho da producao.

    Pode parecer besteira se ater a detalhes como reconstituicao historica, mas acho desleixo nao fazer ja de cara tudo o que esteja ao seu alcance, materialmente falando (e creio que o filme tenha orcamento mais do que se sufuciente pra isso, ate porque e’ questao de custo tao maior, mas de atencao), nao fazer a licao de casa, mesmo, e/mas ter a pretensao de correr atras do subjetivo, intangivel , das interpretacoes mediunicas, da luz perfeita…

    Agora a parte pe-no-saco: no filme o Renato, por exemplo, aparece tocando uma guitarra Giannini de um modelo que nem exisita na epoca, (uma Sonic X dos dias atuais, feita na china). Na maioria das fotos da epoca o Renato usa uma guitarra modelo les paul de cor escura. E muita preguica da producao comprar a primeira guitarrinha preta chinesa de 299,00 sem se preocupar com modelo, cronologia, etc. Se eu tenho acesso a fotos, ele tem acesso a muitas mais, alem de depoimentos. Isso foi so no trailer, imagina o filme inteiro, e tantos outros fatos que mutios desconhecemos ou bnao podemos comprovar por foto. Besteira? Pode ser, mas creio que ninguem gostaria, ou acharia normal, num filme sobre os Beatles o John tocar uma Jackson Flying V de 1994, ou o Paul um baixo Music Man 2012, ou num sobre o Led o Page tocando Stariway numa strato Ibanez, ou uma Lucille… Bem, desculpas, mas e’ isso, fico chateado com essas bolas foras tao desnecessarias e totalmente evitaveis.

  2. Dwarf disse:

    corrigindo “… NAO e questao de custo tao maior, mas de atencao…”

  3. Fra tura disse:

    Idem pelo uniforme do Marista e idem pela “obrigação” de ver.