Psicodelia lo-res

O Wayne Coyne, dos Flaming Lips, filmou um clipe pra música “Round and Round”, do Ariel Pink, em seu iPhone – e ainda reclamou, online, que tanto o YouTube quanto o Vimeo tentavam “melhorar” a resolução da imagem na marra, mesmo que ele quisesse que o clipe ficasse intencionalmente tosco. E o erro digital vai, aos poucos, sendo incorporado como estética…

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. 02/12/2010

    […] Li a história acima no Matias. É mais um exemplo prático, perfeito, do que falava outro dia, sobre a estética digital começar a tomar forma, baseada nos defeitos (como foi com a película, o super-8, etc), tornando-se a assinatura visual dessa nossa época. […]