Passo Torto: Romulo Fróes + Rodrigo Campos + Kiko Dinucci + Marcelo Cabral

Conhecem?

“A característica mais óbvia do disco é essa coisa colaborativa. O Cabral toca no trabalho individual dos três, eu toco guitarra na banda do Rodrigo, que toca cavaquinho com o Romulo. O que acontece com a gente é diferente de trampo de músico, em que o cara toca e vai embora. Tem o lance da vivência. Isso transparece na música de um jeito espontâneo”

…disse o Kiko ao Lucas. Reparem: o disco não tem percussão.

É impressão minha ou tem cada vez mais música sendo feita – e colocada pra download quase que instintivamente – hoje em dia? Será que os artistas brasileiros estão entendendo a internet antes de todos os outros players do mercado?

Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. Breno Fortes disse:

    Po, que fino o som dos caras…

  2. YCK disse:

    Samuel é muito boa. Tem uma versão diferente no Metá Metá ou é a mesma?

    • gustavo tirelli disse:

      tem sim. Thiago no sax, Kiko e Juçara cantando e o Cabral num toca.

  3. Paulo Diógenes disse:

    E vão ficar esperando o que? As rádios rocks (?), os festivais alternativos, o faustão e a hebe????? Enquanto não rola a reforma agrária do ar, a web é o único meio de sobrevivência (sim, pois música que sobrevive é música que é ouvida) para músicos e artistas que não se encaixam nas gavetinhas e artimanhas do “mercadão”!

  4. nego disse:

    Um passo atrás no trabalho do Kiko e do Rodrigo.
    Não gostei…. duro e forçado no enredo!

  5. Eduardo disse:

    Coxinha!!!!

  1. 11/11/2011

    […] por falar em reunião de quatro bambas… Tweet Comente por: Alexandre Matias postado em: Brasil, Loki, Musica, Pop, […]

  2. 19/11/2011

    […] uma do Passo Torto: letra do Rodrigo, música do Rômulo. Tweet Comente por: Alexandre Matias postado […]