Os melhores shows internacionais de 2017

shows-guia-folha

Fui convidado pelo Guia da Folha para escolher quais foram os grandes shows gringos em São Paulo neste ano – só pude escolher as apresentações que aconteceram na cidade, por isso alguns dos meus shows favoritos de 2017 (Aphex Twin e John Cale na Inglaterra, The Who, Nile Rodgers e Grandmaster Flash no Rock in Rio) não entraram na lista. Os três shows – e o pior “show” do ano – que escolhi foram os seguintes:

PJ Harvey, no Teatro Bradesco
“Finalmente o indie rock recebe tratamento de gala.”

Kamasi Washington, no Sesc Pompeia
“Um vulcão free jazz – com os pés no hip hop.”

Acid Mothers Temple, no Sesc Belenzinho
“Vórtice de psicodelia garageira rumo a outra dimensão”.

O pior do ano:
O preço ridiculamente alto de quase todos os shows internacionais e a inacreditável taxa de (in)conveniência, uma forma bem direta de chamar o público de trouxa.

Mais detalhes neste link.

Você pode gostar...