On the run 94: Livros e música

O Shin se empolgou com O Estrangeiro, do Camus, que deu origem ao primeiro single do Cure (“Killing an Arab”), e fez uma mixtape com livros que inspiraram canções.


Shin Oliva Suzuki – “Livros e Música”

David Bowie – “1984” (1984, de George Orwell)
Cure – “Killing an Arab” (O Estrangeiro, de Albert Camus)
Velvet Underground – “Venus in Furs” (A Vênus das Peles, de Leopold Sacher-Masoch)
Leonard Cohen – “Hallelujah” (Bíblia)
Radiohead – “2+2=5” (1984, de George Orwell)
Ira! – “Os Meninos da Rua Paulo” (Os Meninos da Rua Paulo, de Ferenc Molnar)
Police – “Don’t Stand So Close to Me” (Lolita, de Vladimir Nabokov)
Led Zeppelin – “Ramble On” (O Senhor dos Anéis, de J.R.R. Tolkien)
Cream – “Tales of Brave Ulysses” (Odisséia, de Homero)
Nirvana – “Scentless Apprentice” (O Perfume, de Patrick Süskind)
Green Day – “Who Wrote Holden Caufield?’ (O Apanhador no Campo de Centeio, de J.D. Salinger)

Teve algum que ele esqueceu?

Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. jr. disse:

    Neutral Milk Hotel – “Holland, 1945” (O Diário de Anne Frank)?

  2. Bruno disse:

    http://www.flickr.com/photos/littlepixel/sets/72157594269138651/

    Por um outro lado, capoas de discos (quem fala disco tem mais de 35 anos) como capas de livros

  3. Lija disse:

    Vale todas as músicas-de-personagens-de-Jorge-Amado? Dá pra fazer uma coleta só disso 😛

  4. Lija disse:

    Os Paralamas tem “O Rouxinol e a Rosa” do Oscar Wilde, e Lanterna dos Afogados e Jubiabá são coisa de Jorge Amado 😛

  5. Gabriel Lucas disse:

    O Estrangeiro de Camus também é influência para a Revolta dos Dandys dos Engenheiros!

    Misty Montain Bop, do Led Zeppelin, é inspirada no Senhor dos Anéis, e o álbum Nightfall in Middle Earth, do Blind Guardian (não por acaso meu álbum de heavy metal melódico predileto), reconta o Silmarillion, ambos do Tolken.

    Entre outras coisas, o próprio nome da vertente “Techno” vem do Termo “Techno Rebels” utilizado no livro The Third Wave, de Alvin Toffler.

    Ótimo tema para mixtape, não consegui encontrar o link mas existe na wikipedia uma página só sobre música inspirada em livros.

  6. Metallica – For Whom the Bell Tolls (Ernest Hemingway – “Por Quem os Sinos Dobram”)
    Raul Seixas – O disco Por Quem os Sinos Dobram (idem)
    Black Sabbath – Behind the Wall of Sleep (H.P. Lovecraft – o conto “Beyond the Wall of Sleep”)
    Bob Dylan – Tweedle Dum and Tweedle Dee (Lewis Carroll – “Alice Através do Espelho”)
    Tem muita coisa por aí… Dá um jogo legal.

  7. Carolina disse:

    Kate Bush – “Wuthering Heights”

  8. jr. disse:

    tem ainda o Sonic Youth e sua adoração por William Gibson: “The Sprawl” (da trilogia de mesmo nome, que tem Neuromancer e cia.) e “Pattern Recognition” (Reconhecimento de Padrões, livro de 2003). Tem também os nomes de albuns: Sister (inspirado em Philip Dick), A Thousand Leaves (Leaves of Grass, de Walt Whitman). O Matias, que é fã dos caras, bem que podia fazer um post só de SY e literatura 🙂

  9. Sônica Youth
    Pattern Recognition e The Sprawl

  1. 12/08/2011

    […] Vi no Trabalho Sujo. […]