Lira Paulistana e a vanguarda de São Paulo, ontem e hoje

lira-paulistana

Fui convidado para participar de um debate com Arrigo Barnabé neste sábado, a partir das 19h30, dentro do projeto Lira Paulistana: 30 Anos. E Depois? que o Sesc Ipiranga está organizando desde o inicio do mês. O debate vai ser mediado pelo Edson Natale (Itaú Cultural) e a entrada é gratuita. Abaixo, o tema da discussão de hoje.

lira-paulistana-sesc


Embora tenha reunido uma variedade de experiências estéticas – portanto, sem uma identidade unificadora -, a chamada Vanguarda Paulista, que teve como seu ancoradouro o espaço do Lira Paulistana, trouxe dentro do seu balaio propositivo uma postura desafiadora em relação à música popular. Pensando na produção contemporânea, os convidados discorrem sobre os caminhos de criação musical e como se desenha hoje, na cidade, os espaços catalisadores da nova produção e dos diversos experimentalismos. Com Arrigo Barnabé (instrumentista, arranjador e compositor) e Alexandre Mathias (jornalista brasiliense, responsável pelo blog de cultura pop “Trabalho Sujo”). Mediação de Edson Natale.

Maiores informações aqui.

Você pode gostar...