E a volta do Legião Urbana, hein…

Aconteceu ontem, no Porão do Rock, em Brasília. Clique por sua própria conta e risco:

De repente, a volta dos Mutantes não parece ser o fundo do poço.

Você pode gostar...

9 Resultados

  1. iara disse:

    to chocada, como assim???
    mas isso foi um showzinho especial (afinal o Viana tava lá), ou ele voltaram pra valer??

  2. Bruno disse:

    Sem falar noThe Doors of the 21st Century.

  3. Dyan disse:

    O pessoal da EMI até já desmentiu essa história.. Não existe nenhuma volta da Legião. Esse aí é um “show especial comum”.. rsrs Já fizeram uma penca de outros assim antes.

  4. Luciano disse:

    Gente, esqueçe… LEGIÃO URBANA ACABOU!!! O máximo que vão fazer são esses tributos á banda. SEM RENATO RUSSO NÃO EXISTE LEGIÃO. A alma do Legião estava nas letras e atitudes do Renato. O que estou aguardando mesmo é um filme contando a história de “Faroeste Caboclo”.

  5. andré guedes disse:

    nossa….matias de verdade… vc deveria ter sido proibido de publicar isso…. e como sou curioso cheguei a clicar, que merda… antes tivesse sido um virus de computador….

    abs…. vc continua com muito créditos, mas para com isso, hahahahahahahhahaha.

    obs.: consegui comprar 1 par de ingressos do pavement para o dia 24…vamos ver se ele chega e se cai na fatura….

  6. Alexandre disse:

    Eu estava lá! Foi um verdadeiro show:
    Todos tocaram mal,
    As vozes estavam horríveis,
    Desorganização, e consequente demora entre os shows, no palco,
    Som muito ruim, tirou o clima das músicas,
    A guitarra, que para mim seria a atração principal, junto com a bateria, sumiu. O Dado parou de tocar várias vezes. Mas tudo foi abaixo mesmo quando o Herbert Viana entrou. Tive que sair correndo de tão ruim que foi.
    Credo!
    Queria ter visto o Little Quail, Plebe, Escola …

  1. 24/09/2009

    […] Nem tudo foi constrangimento no Porão do Rock que aconteceu no último fim de semana. Entre as trocentas bandas que o festival arrumou para ressuscitar (Escola de Escândalo, Detrito Federal, Maskavo Roots, Legião, Plebe Rude, etc.), uma delas foi o heróico trio Little Quail & the Mad Birds, que já havia voltado no início do ano para “apenas um show”. O show no Porão levou à escala de estádio o velho show da banda – além de um repertório classe A (só hit!), ainda contou com a falação interminável entre Gabriel e Zé Ovo, que dedicou várias vezes o show à profissão roadie. Rock’n’roll pra dançar, punk rock sem vergonha de ser pop, humor com guitarras – o Little Quail é o Raimundos que só Brasília (e alguns poucos felizardos fora da cidade) puderam conhecer. Pra quem não conhece, vale baixar o show, que já vazou online. […]