Donald “Duck” Dunn (1941-2012)

Dava pra defender a importância do velho Donald, que morreu no fim de semana, no Japão, dizendo apenas que ele tocou no Booker T & the MGs e na banda dos Blues Brothers…


Booker T & the MGs – “Green Onions”


Aretha Franklin – “Think”


Blues Brothers – “Rubber Biscuit”

…mas não custa lembrar que ele era nada menos que o principal baixista da gravadora Stax, a gravadora Mr. Hyde do soul norte-americano (enquanto a Motown era o Dr. Jeckyll). Veja abaixo algumas das músicas em que deixou a marca de seu instrumento e veja se o cara não pertence à primeira divisão… Feel the bass:


Otis Redding – “(Sittin’ On) The Dock of the Bay”


Eddie Floyd – “Knock On Wood”


Wilson Pickett – “In The Midnight Hour”


Otis Redding – “Respect”


Sam & Dave – “Hold On I’m Comin'”


Albert King – “Born Under A Bad Sign”


Otis Redding- “I Can’t Turn You Loose”

E não custa lembrar os clássicos de seu grupo…


Booker T. & the MGs – “Melting Pot”


Booker T. & the MGs – “Hang ‘Em High”


Booker T. & the MGs – “Time is Tight”


Booker T. & the MGs – “Soul Limbo”

Valeu mestre!

Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. janara disse:

    Fez minha trilha matutina. Descanse em paz que a gente segue no groove.

  2. João disse:

    Isso tudo além de participar da Turnê Heart of Gold do Neil Young e na banda Crazy Horse que também o acompanhava.

  1. 15/05/2012

    […] Escrever sobre o legado do Dunn me trouxe à memória o discaço que o Booker T & the MGs gravaram meses após os Beatles terem oficializado seu canto do cisne. McLemore Avenue é um tributo soul ao Abbey Road. […]