David Lynch comercial

O lado picaretagem enquanto arte de David Lynch (um personagem de Entourage, melhor dizendo) fica mais evidente quando analisamos os comerciais que ele dirigiu para todo tipo de produto durante os anos 90. Vai dizer que não parece paródia. Olha esses da Calvin Klein:

Aí tem esse feito para a prefeitura de Nova York, sobre não sujar as ruas da cidade. Podia ser do Funny or Die ou do College Humor.

Tem esse feito para um perfume de Giorgio Armani, cujo convite veio do próprio. TV Pirata?

Outro comercial de perfume, dá-lhe clichê:

Lynch até dirigiu comercial pra disco do Michael Jackson:

E esse pras massas Barilla, com o Depardieu? Muito ridículo.

Mais comercial de perfume, desta vez com a Daryl Hannah:

E tem esses quatro que ele dirigiu pra série de comerciais Ever Wonder?, do Scifi Channel. Um chama-se Nuclear Winter:

Outro chama-se Rocket (e os outros dois – Aunt Droid e Dead Leaves – eu não achei no YouTube):

O cara fez até anúncio para teste de gravidez. Supercine feelings:

E essa série inacreditável pro PlayStation 2:

E, pra finalizar, tem esse de carro:

E vai dizer que ele não é consciente da própria picaretagem? Mas o melhor de todos não é dirigido por ele – ele só atua:

Demais.

Você pode gostar...