Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. Paulinha disse:

    Não pensaria duas vezes!!!

  2. camila disse:

    vô querê

  3. O Amaldiçoado disse:

    Sem pestanejar!

  4. Thiago Dantas disse:

    Mais um pra engrossar o coro: EU QUERO!

  5. E ae, tem onde pra vender?! 😛

  6. Felipe M. disse:

    Comprava e guardava o peão da Mia Sara só para mim.

  7. Gottin disse:

    Vontade de escrever o post todo em caps, mas não vou pra não ser considerado o e-retardado

    Esse povo precisa aprender que nenhum jogo de tabuleiro roll-n-move (salvo raríssimas exceções) é bom, divertido, ou direcionado para adultos.

    Ferris Buellers’ Day Off daria um ÓTIMO jogo de blefe ou storytelling. Jogar dadinhos, cair na casinha, ler o efeito “perder um turno” ou “avance duas casas”? Não, obrigado

    P.S.: http://www.boardgamegeek.com. Aproveite

  8. flávia d. disse:

    o jogo foi produzido pra essa mostra na california!

    http://revistatpm.uol.com.br/notas/tributo-a-john-hughes.html

  9. pieetra jamilly disse:

    tomare que seja bom esse jogo!!!!!!!!!!!!!
    eu vou esperar esse jogo pra eu brincar no computador!!!

  1. 04/02/2011

    […] O Esquema e Assuntos […]

  2. 05/02/2011

    […] via oesquema […]

  3. 08/02/2011

    […] O Esquema e Assuntos […]

  4. 02/03/2011

    […] Fonte: O Esquema […]

  5. 24/03/2011

    […] do argentino Maxim Dalton, que fez aquele jogo de tabuleiro do Ferris Bueller? Agora ele inventou de transformar os personagens do clássico de Tarantino em bonequinhos de […]

  6. 22/09/2011

    […] por falar em Lebowski, lembra daquele designer argentino Maxim Dalton, que fez tanto o jogo de tabuleiro Curtindo a Vida Adoidado como os bonequinhos do Pulp Fiction? Poizé, ele fez esse tapete em homenagem ao […]

  7. 25/09/2011

    […] no: Trabalho Sujo, Wikipedia Tweet Tags do post: Argentina • Chicago • curtindo a vida a doidado • […]