Como foram os três shows do Cure que assisti em Nova York, em 2011

robert-smith-beacon-theatre

Em 2011, pude presenciar três shows da banda de Robert Smith na última vez em que eles tocaram seus três primeiros discos na íntegra. As apresentações aconteceram no suntuoso Beacon Theatre, em Nova York, e como deverão ser as apresentações do grupo na nova turnê sul-americana, os shows tiveram mais de três horas, cada. Na sexta-feira foram 46 músicas, no sábado e no domingo, 48 em cada dia. Os shows saíram da sequência dos três primeiros discos da banda e a formação do grupo ia mudando a cada novo disco: nas músicas de Three Imaginary Boys, de 1979, estavam no palco apenas Bob Smith, Simon Gallup e Jason Cooper; nas de Seventeen Seconds, de 1980, este trio era acompanhado de Roger O’Donnell nos teclados; e quando começaram Faith, de 1981, Lol Tolhurst junta-se ao quarteto tocando teclados e instrumentos de percussão.

A primeira parte dos shows era composta pelos três discos tocados na íntegra. A segunda parte – um extenso bis dividido em três partes – era composto pelos lados B da banda na época destes três discos e, em seguida, literalmente por toda a coletânea Standing on a Beach, de 1986, fora as músicas que extras de cada show (o sábado teve “Do the Hansa” tocada pela primeira vez desde 1979 e o domingo teve “Close to Me”). Mais de dez horas de Cure num único fim de semana memorável, que registrei nos vídeos que posto abaixo e sirvo de aperitivo para o show de amanhã em São Paulo. O primeiro show eu filmei inteiro, o segundo quase todo e, do último, só gravei as três últimas músicas.

Mas o melhor é comparar os setlists daqueles shows e ver o proposto para o Brasil e descobrir que 70% do que vão tocar aqui eu não assisti ao vivo. E preparem-se: mesmo gordo e com o cabelo seco, Robert Smith segue com voz intacta e como um dos maiores guitarristas vivos – e sempre conversando, simpático, com seus fãs.

Dia 25 de novembro de 2011


“10:15 Saturday Night”


“Accuracy”


“Grinding Halt”


“Object”


“Subway Song”


“Foxy Lady” / “Meathook”


“So What”


“Fire in Cairo”


“It’s Not You”


“Three Imaginary Boys” / “The Weedy Burton”


“A Reflection” / “A Play for Today”


“Secrets”


“In Your House


“Three” / “The Final Sound / “A Forest”


“M”


“At Night”


“Seventeen Seconds”


“The Holy Hour”


“Primary”


“Other Voices”


“All Cats Are Grey”


“The Funeral Party”


“Doubt”


“The Drowning Man”


“Faith”


“World War” / “I’m Cold”


“Plastic Passion”


“Boys Don’t Cry” / “Killing an Arab”


“Jumping Someone Else’s Train” / “Another Journey By Train”


“Descent”


“Splintered In Her Head” / “Charlotte Sometimes”


“The Hanging Garden”


“Let’s Go to Bed” / “The Walk” / “The Lovecats” / “In Between Days”

Sábado, dia 26 de novembro de 2011


“10:15 Saturday Night” / “Accuracy” / “Grinding Halt” / “Another Halt”


“Meathook”


“The Weedy Burton”


“A Reflection” / “Play For Today”


“A Forest”


“Seventeen Seconds”


“The Holy Hour” / “Primary” / “Other Voices”


“The Drowning Man” / “Faith”


“Do the Hansa” / “World War”


“I’m Cold”


“Boys Don’t Cry” / “Killing An Arab”


“Jumping Someone Else’s Train”


“Charlotte Sometimes” / “The Hanging Garden”


“Let’s Go To Bed”


“The Walk”


“The Lovecats”


“The Caterpillar” / “In Between Days”

Domingo, dia 27 de novembro de 2011


“The Caterpillar” / “Close to Me” / “Boys Don’t Cry”

A foto eu tunguei do Brooklyn Vegan.

Você pode gostar...