Brasil

Hermes Trismegisto escreveu
Com uma ponta de diamante em uma lâmina de esmeralda

O que está embaixo é como o que está no alto,
E o que está no alto é como o que está embaixo.

E por essas coisas fazem-se os milagres de uma coisa só.
E como todas essas coisas são e provêm de um
Pela mediação do um,
Assim todas as coisas são nascidas desta única coisa por adaptação.

O sol é seu pai, a lua é a mãe.
O vento o trouxe em seu ventre.
A terra é seu nutriz e receptáculo.

O Pai de tudo, o Thelemeu do mundo universal está aqui.
O Pai de tudo, o Thelemeu do mundo universal está aqui.

Sua força ou potência está inteira,
Se ela é convertida em terra.

Tu separarás a terra do fogo e o sutil do espesso,
Docemente, com grande desvelo.
Pois Ele ascende da terra e descende do céu
E recebe a força das coisas superiores
e das coisas inferiores.

Tu terás por esse meio a glória do mundo,
E toda obscuridade fugirá de ti.
E toda obscuridade fugirá de ti.

É a força de toda força,
Pois ela vencerá qualquer coisa sutil
E penetrará qualquer coisa sólida.
Assim, o mundo foi criado.
Disso sairão admiráveis adaptações,
Das quais aqui o meio é dado.

Por isso fui chamado Hermes Trismegistro,
Por isso fui chamado Hermes Trismegistro,

Tendo as três partes da filosofia universal.
Tendo as três partes da filosofia universal.

O que disse da Obra Solar está completo.
O que disse da Obra Solar está completo.

Hermes Trismegisto escreveu com uma ponta de diamante em uma lâmina de esmeralda.
Hermes Trismegisto escreveu com uma ponta de diamante em uma lâmina de esmeralda.


Jorge Ben – “Hermes Trismegisto e a Sua Celeste Tábua de Esmeralda

De Leve responde

Em seu blog:

Nada como um evento de internet pras noticias se espalharem tao rápido.

Ontem no CAMPUS PARTY aconteceu uma confusão devido – fiquei sabendo hoje, quase agora – a minha música MÉXICO.

Aí um cara chegou e quis desligar o som e ficou discutindo comigo sem me explicar o porquê.

Abri meu email hoje e recebi vários emails de pessoas já sabendo do evento sem nem ter ido, hehe.

Queria agradecer a todo mundo que me escreveu declarações positivas, mas queria deixar, gente, que essas coisas acontecem e que tá tranquilo, tem nada não, essas coisas acontecem.

Como eu disse pro FLU ontem, eu esperava tudo nesta apresentação de ontem, que ninguem fosse ver, que ninguem fosse prestar atenção, etc, mas nunca, nunca pensei que alguem fosse querer brigar e/ou discutir comigo.

Tou falando, De Leve é muito de boa… E pra continuar no clima, eis “México” de novo, sem interrupção:

Nerds x De Leve

Olha que mico:

E justo com o De Leve, que é um dos caras mais tranqüilos que eu conheço nesse metier – além de ser um dos primeiros caras a usar a internet como forma de divulgar o próprio trabalho… Não gostou, vaia, tudo bem. O artista tem todo o direito de ser vaiado – e sabe disso. Agora, partir pra porrada? Ameaçar o cara via YouTube? Truculência é pior que burrice, hein. Com tanta sarna pra se coçar, nego fica perdendo o tempo e querendo arrumar briga por causa de falso moralismo? Brincadeira…

Falando no Autoramas, foi assim que a Rough Trade, que está lançavendendo o compacto de “Catchy Chorus” na gringa. Vi no Nogueira. E essa música é muito boa…

Sexta agora tem o Autoramas em versão acústica. Será que vira?

TBO 2009

Pattoli confirma: o show dos Butchers vai ser dia 7 de fevereiro, no CB. Imperdível.

Olha o drama dessa matéria de games do Terra que eu pesquei via Cardoso:

O presidente eleito Barack Obama deu um Nintendo Wii de Natal para suas filhas e tem praticado boliche no Wii Sports. Até que é legal, mas gostaria que ele tivesse um Xbox e jogasse Call of Duty 4 em multiplayer.

Ao que parece, ele é melhor no Wii Bowling do que no boliche de verdade, o que não deve ser tão difícil, já que ele é horrível no boliche de verdade. De qualquer maneira, são grandes as chances de ele nunca mais brincar com o Wii após a semana que vem. E, diferente do que ocorre com a maioria das pessoas que param de jogar o Wii após algumas semanas, Obama deve fazer isso porque ele será o presidente dos EUA e estará superocupado, não porque o Wii é meio que uma droga.

E com a chancela Gizmodo. Que pérola.

Como vocês já sabem o que eu acho da reforma ortográfica, é lógico que já aderi a essa campanha:

E vou além – troco o trema pela crase! Sei usá-la muito bem, mas a abolição da crase seria o fim do martírio de muita, mas muita gente (fora o martírio de quem sabe usar crase e vê a coitada numas vogais improváveis). E se acham pouco, ainda cederia o “h” do verbo “haver” – aí nunca teria erro, é sempre “a”.

Ainda Obama

Mais um: o Barata Obama.

Ô Obama!

Blog brasileiro pegando no pé do sujeito: Obama on Drugs.