“Brasil é corrupto suficiente para não abraçar ideologia”

manobrown-drauzio

O encontro entre dois gigantes da cultura brasileira, Mano Brown e Drauzio Varella, que aconteceu nesta quarta-feira no canal do YouTube do doutor, anunciado com a hashtag #ManoDraw, foi mais uma aula sobre o racismo no Brasil e merece ser assistida na íntegra. “Acho que Brasil é corrupto para não abraçar ideologia de ninguém”, mandou Mano Brown, na lata, “Nem de extrema direita, extrema esquerda, nazista. Vai ser sempre um grupo pequeno que tem que ser combatido. Mas nunca vai pegar. Brasileiro, pelo que entendo, é misturado mesmo.” E seguiu: “A mentalidade racista está na cabeça de todos. Cada um no seu lugar de fala. Toda conjuntura é desfavorável. Todos pagam um preço. A leitura de um branco no meio de dois negões é de que ele é a vítima. Que temos que proteger o branco. O Brasil é isso aí.”

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *