A volta do Neutral Milk Hotel

nmh

Eles anunciaram a volta em seu próprio site – e assim:

and of water course womb rume is a wandering the welkin woman whose fune caul is all umbilical cord code that comes equipped with read volve vît curtains that čun seel my văl én tich radio reason in remembrance of mademoiselle gabrielle and her wone tym pad lock of burd language as it borders on twin tolk the wolk king wall of woolpack pigeons pointing to the fly blind readers riddle and his rian boh

Na prática, esses são os cinco shows:

22 de outubro, com Elf Power, no 40 Watt Club, em Athens, Georgia, nos EUA
23 de outubro, com Half Japanese, também no 40 Watt Club, em Athens, Georgia, nos EUA
25 de outubro, com Half Japanese e Daniel Johnston, no Thomas Wolfe Auditorium, em Asheville, na Carolina do Norte nos EUA.
28 de novembro, no Hostess Club Festival, em Taipei, Taiwan
1 de dezembro, no Hostess Club Festival, em Tóquio, no Japão

E não duvide se essas forem só as primeiras datas…

Você pode gostar...

11 Resultados

  1. Uau, parece legal.

    Mas quem são eles?

  2. Nunca ouvi mais gordo.

  3. Primeiro que tu generalizou né. Ouço eletrônica 80% do tempo, não exclusivamente som de pista. E de onde tu tirou que dance music não pressupõe música ruim? Fazer o povo se mexer não significa abdicar de conceitos como originalidade e inventividade.

  4. Pouta merda, mas tu fica aí teorizando e me confundiu, OK, não pressupõe mesmo. É que do jeito que tu escreveu, ficou parecendo que eu ouço só a bagaceirada ao invés de prestar mais atenção em figuras cult como o Milk aí.

    • Nao pira, bicho, soh tava enchendo teu saco… Eh q ouvir qq genero musical 80% do tempo acaba fazendo tu perder umas coisas fodissimas, como o NMH…

  5. You Know You’re Right.