A Tábua de Esmeralda 2011, confirmado

Pelo próprio Jorge Ben. No papo que rolou entre os dois Brunos (o sócio Natal, que inventou a campanha, e o Maia, que filmou a entrevista) e o ícone, o Grão Mestre Alquimista confirma que já está ensaiando o disco música por música e que o disco vai ser revisitado ao violão – o que quebra um tabu iniciado justamente após o lançamento do Tábua, em 1974 (o disco seguinte, África Brasil, já foi só com a guitarra). Vale ver o vídeo, pois além do momento “David After Dentist” do URBeman, ainda há um bom papo sobre a história do Tábua, do hermetismo duplo do disco e o que o Tábua tem a ver com os emos (wtf).

Você pode gostar...

Sem Resultados

  1. luciano disse:

    Na verdade entre o “Tabua” e o “Africa Brasil” tem o “Solta Pavão”, mas neste ele já utitliza na maior parte do álbum um violão elétrico.

  2. Verdade, valeu!

  3. Bruno disse:

    Tem o “Solta Pavão” entre esses dois, no violão elético.

    E tem outra coisa que só reparei depois de ver a entrevista 800 vezes: ele fala em REGRAVAR o LP em formato CD, com arranjos originais, mas atualizando. Não dá pra entender o que isso significa, mas logo descubro.

    Abs

  4. Bruno Maia disse:

    Pois é, reparei isso na hora! Ele insiste em dizer que quer gravar de novo. “Agora em CD! Antigamente era LP!”, como se o CD fosse a mais nova mídia do universo. Sou mais que fique só num show.

    E se nao me engano, a Tábua é de 1972, não 1974.

  5. YCK disse:

    Primeira vez que vejo o Jorge Ben concedendo entrevista. Ele é manchado com as grandes mídias? Era brother do Simonal?